Moisés, Sara e a Loja de Artigos Religiosos

Moisés e Sara tinham uma loja de artigos religiosos judaicos há 20 anos.

Nos últimos tempos as vendas tinham caído muito, porque a maior parte dos judeus do bairro tinha mudado para outros lugares da cidade.

Um dia Sara começou uma conversa com o marido:
– “Moisés, não estamos vendendo bem, o que vamos fazer?”
– “Não sei, Sara, não sei…”
– “Acho que devíamos começar a vender artigos cristãos.”

Moisés ficou assustado:
– “Artigos cristãos? Você deve estar louca! Não podemos vender artigos cristãos, somos judeus! De jeito nenhum!”

Depois de um mês, só tinham vendido um xale religioso masculino, um candelabro e um livro de orações.

Sara voltou ao assunto:
– “Moisés, não podemos continuar assim. Eu já te disse, temos que começar a vender artigos cristãos. Estamos bem perto dessa nova Igreja católica, vamos fazer boas vendas.”

Moisés finalmente cedeu:
– “Acho que você tem razão, Sara. Tenho o endereço do maior distribuidor desses produtos, vou ligar para ele.”

Imediatamente Moisés telefonou para fazer o primeiro pedido:
– “Por favor, podia mandar 100 crucifixos, umas 50 garrafinhas de água benta, e dessas pulseiras, como vocês chamam? Terços, né? Pode mandar 100. Aquelas fotos com o Papa, santinhos, mande 100 também.”

O vendedor respondeu:
– “Claro que sim, senhor: 100 crucifixos, 50 garrafas de água benta, 100 terços e 100 santinhos. Os crucifixos o senhor quer com ou sem Jesus?”
– “50 e 50.”
– “Perfeito. E não quer dividir os santinhos, um pouco com a Virgem Maria? Eles vendem muito bem!”
– “Nesse caso, pode ser assim” – disse Moisés.

Fazendo o fechamento da venda, o vendedor perguntou:
– “Para quando o senhor quer a entrega?”
-” Amanhã. Queremos deixar a mercadoria pronta para vender domingo. “

E o vendedor respondeu:
– “Sinto muito, senhor, mas não trabalhamos no Shabat.” 

 

One thought on “Moisés, Sara e a Loja de Artigos Religiosos

  • Avatar
    lupercio

    Guelmans, você está cada vez melhor. Morro de rir.

    Responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *