Em Jerusalém, o Campeão dos Campeões

Um grupo de operários estava reformando uma casa antiga em Jerusalém.

Apesar de experiente e conhecedor dos riscos daquele tipo de obra, Solly, um dos trabalhadores, pisou em uma taboa podre no chão.

A queda foi inevitável. Ele atravessou o soalho e foi parar numa espécie de adega que não aparecia na planta e era desconhecida por todos.

Quando a poeira assentou, Solly, que não se machucou mas estava bem tonto, olhou ao redor e viu, horrorizado, um esqueleto deitado no canto.

A roupa do esqueleto estava estragada pelo tempo mas ele conseguiu ver uma faixa branca onde estava escrito:
“CAMPEONATO ISRAELENSE DE ESCONDE-ESCONDE 1948”.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *