Pragas e Maldições Judaicas (19)

Que o sol e a brisa da primavera te aqueçam e acariciem como uma maçã, pendurada em uma árvore”.

“Que tua cabeça esteja coberta de piolhos e teus braços sejam muito curtos para poder coçar”.

Que você fique tão rico que o novo marido da tua viúva nunca precise se preocupar em ganhar a vida”. 

“Que te cresçam mais duas mãos para poder alcançar todas as coceiras”.

“Que você tenha muito dinheiro, mas seja o único da família a tê-lo”. 

 

2 thoughts on “Pragas e Maldições Judaicas (19)

  • Avatar
    Nicole Ribeiro

    Suas postagens são ótimas, estou seguindo seu blog e curtindo bastante!! Parabéns!

    Responder
    • Gerson Guelmann
      Gerson Guelmann

      Nicole, que coisa boa receber teu comentário! Alegrou meu dia! Obrigado, mesmo!

      Responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *